Anti Plágio

...

domingo, 6 de julho de 2008


A vida vai e vem e o mundo fica.

Eu olho mais não vejo o meu vejo não quer ver,
o que é de hoje deixo para o amanhã mas...
o amanhã nunca faz o que era do ontem
o ontem não faz o que é do amanhã.



O tempo passa eu passo eu vou eu fico.
Eu olho mais não volto eu prossigo mais não sei se chego,
eu sou o que sou porque quero, porque penso em ser o que sou
não sei não entendo pois não conheço não me ensinaram por isso não sei.

Passo mais não percebo ,
as vezes passo percebo mais finjo não ter percebido
para que não me percebam.

Eu me faço eu me disfarço.
Eu fui o que era para ser o que sou,
eu sou para ser o que em breve serei.

Erro para poder não erra,

torno-me perfeito para ensinar quem erra para mais tarde não errar,

passo pelo inferno para chegar e permanecer no céu,

nado contra corrente para chegar a nascente,

eu faço,tento, faço o que poucos fazem (tente)

eu faço o que muitos falam mais não fazem,

eu vejo o que as pessoas olham mais não enxergam,

eu vejo a solução.

Eu nado contra a corrente...

passo pelo inferno para chegar no céu e la ficar.

Eu sou o ultimo que será o primeiro,
eu sou o primeiro que foi o ultimo

meu nome?
meu nome é ninguém pois não sei quem sou.

Um comentário:

Kalye disse...

=)

gosto daqui.
muito bom o texto!

beijos!