Anti Plágio

...

sexta-feira, 30 de abril de 2010

Apenas isso


Você ouve a minha voz doce baby
Acha que posso ser seu servo, mas...
Não sabe, que aqui dentro tem um ser querendo lhe devorar

Você é tão egoísta que não percebeu o meu jogo
Sim
Sim
Sim

Você caiu em sua própria armadilha, o que desejas será sua queda!

Não é tudo que quer, que podes tocar
A selva irá lhe devorar, ela é perigosa!

Aquilo que deseja lhe fez cega, então não há mais pra onde fugir

Agora eu quero lhe ver sangrar!

Com o meu olhar paralisado eu lhe conquistei
Conquistei
Conquistei

Conquistei!

Pude ver a sua destruição...

Nossas mascaras, nossas maneiras...

7 comentários:

B. disse...

adorei, estava mesmo sentindo falta das tuas composições! :D
adoro aqui. beijo

Branca disse...

Sabe que adoro esse seu jeito de escrever!!

Sempre cru-el! rs

Se fosse uma bebida seria uma tequila.

^^

Beijinhos

Data Clipe! por Conrado Cooper disse...

super masculinos seus textos, adorei

Luiz Brisa disse...

gostei do texto
bem poetico
escrito d um jeito simple e elegante
seguindo
xD


http://vagalnerdkawai.blogspot.com/

Érica disse...

Não é o tipo de texto que me seduz, mas confesso que está bem escrito. Parabéns pelo blog, está bem interessante.


http://alma-feminina.blogspot.com/

Daniel Silva disse...

muito bom! nunca tinha passado por aqui e fiquei surpreso pelo nível dos posts!

Gutt e Ariane disse...

Gostei da maneira subjetiva! Faz imaginar o que te levou a chegar nesses versos!!!

.
http://bloggalemdoqueseve.blogspot.com/
.