Anti Plágio

...

sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Paralelo


Alguns se perdem ao virar a rua
Outros permanecem chapados no paralelo
Alguns se amam diante do sol
Outros se observam atentamente
Algo estranho acontece aqui
Um pouco distorcido
Luz azul, mais um amor noturno
Minha mente permanece confusa
Eu quero apenas Observar
Sentir esse cheiro estranho
O vento vem em minha direção
Ainda não ouvi a sua voz
Não ouvi ninguém
Permaneço Imóvel
Eu quero Apenas Observar
Alguns Ruídos em meus ouvidos
Totalmente distorcido
As cores se confundem
A imagem se move lentamente
Meu corpo adormece
Pensamentos estranhos
Não sei o que são
Então eu fecho os olhos
Um lobo Negro vem em minha direção
Um deserto me acalma
Um uivo liberta o meu lado selvagem
O Jardim Amarelo, o verde distorcido
Frio intenso
Um calor sopra em minha direção
Tudo permanece Imóvel
Frágil, lento, comum
Confuso, desconhecido
Imediato e preciso
Luz verde que toca minha alma.



O Rei Lagarto Nasce da Flor do Deserto...
Infinito de nós.


Jonathan Villaça

3 comentários:

brynnesoares disse...

Nossa Muito bom mesmo parabéns
Agradeço a vista to te seguindo já bom trabalho e sempre que der vou tar aqui dano uma olhadinha e buscando inspiração também para escrver

Matheuslaville disse...

Gostei muito do seu comentário e volte sempre ao MBC NEWS tem muitas coisas novas e inclusive novidades de escrever e interação com outros blogueiros. Agora do seu poema gostei do até estou escrevendo alguns no quadro novo do MBC NEWS e achei fantástico sou novato acho mais fácil separa ela ,mas o curioso é que você fez junto e co continuação e saiu muito bom e deu para sentir que saiu do coração como um poema tem que sair e também gostei do tema abstrato ,pois adoro coisas abstrata tanto é que minha imagens do quadros são assim... Gostei do tema...

Millena Blogueira disse...

Observar é uma qualidade que poucas pessoas possuem.
Muitas pessoas agem impulsivamente e não observam os sinais e as pessoas ao seu redor.